Adultos aprenderam a associar rotina a coisas ruins, ao lado tedioso da vida. Mas a importância da rotina para o desenvolvimento da criança, a organização do dia e previsibilidade dos acontecimentos é fundamental para evitar estresse e viver bem.

Rotina não quer dizer rigidez, ausência de flexibilidade, quer dizer que há uma lógica por trás da vida cotidiana, que nos permite prever os próximos passos.

Rotina e o desenvolvimento infantil

No caso das crianças, que ainda estão começando a compreender a lógica dos dias e noites, o estabelecimento da rotina ajuda a entender e gerenciar o tempo.

Por isso, estabelecer uma rotina consistente para as crianças é fundamental para a saúde física e emocional.

Quando a criança se acostuma a fazer cada coisa no horário e local adequados, isso vai fazer parte da vida, e reduzir muito o desgaste dos pais para que sejam cumpridas as tarefas cotidianas.

A importância da rotina

Se o dia a dia é desorganizado, se a cada hora a criança se surpreende com uma atividade diferente, ou se pode sempre negociar as atividades, conforme suas preferências, fica difícil argumentar que não é hora de jogar vídeo game, por exemplo, ou que é hora de tomar banho, e aumenta muito o estresse de todos em torno das atividades que precisam ser realizadas todos os dias.

A rotina diária da criança não é algo complexo, nem intransigente.

Deve levar em consideração os hábitos e os valores da família e definir as atividades mais importantes para cada idade.

Algumas atividades devem ser bem definidas: hora de acordar e de dormir; horário e local de refeições; horários de banho; tempo e local de estudos; regras para uso de eletrônicos, de acordo com o que for combinado em cada família.

Com as crianças maiores, elas mesmas podem participar da construção da rotina, o que ajuda a não pensarem na organização como um elemento negativo, e sim como algo importante para sua autonomia e independência.

É muito importante que os pais tirem um tempo para conversar sobre isso, para que encontrem um consenso sobre os aspectos mais importantes da vida da criança e dos próprios pais.

Também não quer dizer que rotina signifique ocupar o tempo todo da criança.

Todos os seres humanos, e principalmente as crianças, precisam de tempo para brincar livremente, para descansar, para não fazer nada.

Infância não é hora de agenda cheia.

A intenção é justamente deixar esse tempo mais leve, pois vai evitar ou minimizar as tentativas de “burlar” os combinados.

Por mais que não pareça, crianças adoram limites, especialmente se forem encarados como sinal de que os adultos estão atentos e cuidadosos com elas.

Rotina ajuda a ter energia para brincar, evita birras desnecessárias, deixa as crianças menos irritadas e ajuda muito na qualidade do sono, o que, por sua vez, reduz o estresse, não só da criança, mas da família inteira.

É muito importante que, em caso de crianças que se dividem entre mais de uma casa, como nos casos de pais separados, exista uma certa coerência em relação aos procedimentos das duas casas.

O que costumamos ver é justamente o oposto, e a criança em geral acaba sofrendo pelas inconsistências e conflitos dos adultos, que acabam sendo traduzidos em modos de criação e rotinas totalmente diferentes. Isso gera insegurança e estresse na criança.

Por exemplo: em uma das casas, a criança pode passar o dia inteiro no celular; na outra, não pode.

Vai ser difícil para a criança entender que o certo é diminuir o tempo de celular e que o aquele que libera o celular não é “o mais legal”.

Provavelmente vai ficar muito irritada e com dificuldade de executar as atividades na outra casa quando privada do celular. Isso atrapalha demais o desenvolvimento emocional.

O prejuízo, no final das contas, é todo da criança.

Manter uma rotina é deixar a criança informada sobre o seu próprio dia e, portanto, mais tranquila (nem sempre no começo é fácil, claro).

Internalizar regras dentro de casa também ajuda a respeitar as regras de convivência fora do ambiente doméstico.

A vida da criança e de toda a família melhoram com uma rotina estável e segura.